terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Gordo, o conquistador irresistível


Todos já conhecem o Gordo, o paulista, aqui deste blog. Assíduo frequentador, produtor de filmes, ele sempre envia fotos pra gente. Recentemente mudou de cidade, indo morar no interior do estado. Com isso, os cachorreiros de plantão mostraram-se preocupados. Stress, canseiras, adaptação difícil. Pedíamos notícias, insistíamos nas recomendações para que o pai tomasse o máximo de cuidados com ele. No entanto, parece que nada disso aconteceu com o Gordo que anda pra lá de bem. A novidade? Olhem só o e-mail do pai do Gordo que chegou agora mesmo, gente! Ele diz assim:

Cachorreiros,

A foto em anexo mostra o Gordo sobre uma espécie de toalha amarela. Até ai, dirão vocês: qual a novidade?

Vamos lá. Hoje veio em casa um velho amigo e a respectiva namorada. Ela, cachorreira como vocês, veio acompanhada da Nana, uma jovem fêmea criada em apartamento de Pinheiros, e toda dondoca.

- Vai dar confusão, pensei ao ver a cadelinha no carro deles...

Já na porta, a namorada de meu amigo, toda amistosa, mostrou ao Gordo um presente que trouxe para ele. Pacote com um quilo de palititos. Tirou um e ofereceu delicadamente ao Gordo. O Gordo pegou o tal palitito, bem como a mão da mulher junto.

Em seguida entrou a Nana. Sem a menor cerimônia o Gordo simplesmente comeu a cadelinha no meio da sala e na frente de todo mundo. Ficou um clima, digamos, meio sem-jeito.

Vendo que o Gordo tem o famoso paninho que arrasta por todo canto, a namorada de meu amigo abriu uma enorme sacola onde leva os pertences pessoais da Nana, e de lá tirou essa linda toalha, para que também ela pudesse deitar-se sobre seu "paninho".

O Gordo simplesmente puxou a toalha da mão da namorada de meu amigo, correu com ela para um canto da cozinha, e sobre ela ficou até que as visitas se fossem. O cara come, faz o serviço, rouba e dorme.

Esse é o "coitado" com as dificuldades de adaptação de que vocês falavam.

Não sei se as visitas voltam...

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Wendy, uma história muito triste

Não é raro eu receber e-mails de quem, como eu, ama seu animal de estimação. Desde que coloquei aqui no Blog que meu Alex padece de epilepsia, recebi mensagens emocionantes e emocionadas que me aproximaram de pessoas tão especiais quanto os bichinhos aos quais estão ligadas afetivamente. Pessoas com quem me correspondo até hoje.
Estive viajando recentemente e só retornei domingo à noite. Como não acessei a internet, fui logo ver as mensagens que havia e, dentre elas, uma em especial me deixou muito triste. Foi escrita por uma linda menida chamada Vitória, que recentemente perdeu sua lhasa apso, esta linda cachorrinha toda branca que aparece na foto, e que se chamava Wendy.
Wendy era temperamental, como costumam ser, aliás, muitos lhasa apso. Ora carinhosa, ora irritada. Nessa quinta-feira passada, porém, dia 17, a Vitória me conta no e-mail que encontrou Wendy quase morta, com a língua para fora. Na mesma hora, Wendy foi levada ao veterinário. Apesar de hidratada e de receber uma medicação calmante (dormonide), começou a apresentar convulsões. Passaram-se 24 horas, e mesmo gardenal não funcionou. As convulsões continuaram. Vitória, emocionada, me contou que, após essa noite passada no veterinário, Wendy teve coma induzido, para evitar as seqüelas graves que lhe sobreviriam, caso viesse a resistir, superando o quadro.
Mas a Wendy não superou.
Ela morreu quatro horas depois, deixando uma linda menina cheia de tristeza e sem saber direito o que havia acontecido.
Vitória acabou encontrando na internet este Blog do Alex e me escreveu buscando saber alguma coisa sobre uma possível crise epiléptica que Wendy pudesse ter sofrido. Não soube bem o que dizer a ela, pois o caso me pareceu mais uma intoxicação do que propriamente uma crise de epilepsia, na medida em que esta, mesmo quando é violenta, costuma responder bem à medicação e ao socorro veterinário.
Entretanto, de toda essa história triste, me ficou a vontade de fazer alguma coisa pela Vitória, nem sei bem o quê. Daí pedi a ela licença para contar aqui no blog o que aconteceu com a Wendy, mostrando seu retrato, na certeza de que muita gente, muita gente mesmo, Vitória, é capaz de entender a dor e a imensa saudade que deves estar sentindo agora, justamente no Natal.
Queria muito poder te mandar uma grande abraço, menina. E todo meu carinho e simpatia, desejando que, de alguma forma, a Wendy fique para sempre viva no coração de todas as pessoas que a souberam amar, e que, mais que isso, souberam o que é ser amado pelo seu bichinho de estimação.
Um grande abraço, Vitória. Espero que a vida te presenteie com o amor de outro lhasa apso. Tenha certeza de que muita, mas muita gente, chora contigo esta perda.
Beijos da Mana do Alex

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Obrigado, Elisa!

A Elisa estava no desfile de domingo e me viu assim,
comportado, sentado à mesa, fazendo companhia para a minha Mana. Me achou tão bonitinho que fotografou e nos mandou de presente esta imagem. Ela escreveu assim:

Oi, eu tirei uma foto do Alex - lindo, sentado na mesa, todo cheio de graça - e peguei teu email, lembra? Então, aqui vai a foto. O blog do Alex é show de bola.
Parabéns! Boas festas pra vocês! Elisa


Valeu, Elisa. Muuuuuito Obrigado!

Eu, hem?

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Oba! Mais um vídeo cinco estrelas!

Mais um vídeo com CINCO ESTRELAS para mim! O meu desfile de domingo!
http://www.youtube.com/watch?v=gQbcA9zW_DI
Data e local da gravação

6 de dezembro de 2009

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Porto Alegre, minha cidade

Shana

Vocês lembram da Shana? Nos tivemos um affair. Ela também desfilou e ainda ganhou um lindo colchonete de prêmio.

Yes! Já começou o sucesso do meu desfile!

Menções honrosas para este vídeo (1)

Já estou lá, entre os mais visto hoje da categoria Animais no YouTube.
Mana promoter...

domingo, 6 de dezembro de 2009

Filme. Desfilando no Shopping Total

Desfile


Hoje eu desfilei lá no Shopping Total. Foi um evento PET promovido para cachorrinhos, e eu
fui convidado.
Desfilei com a Mana, na bolsa especial comprada na BUTIQUE PET e usando esta boina. A minha sogra, Eliane, mãe da Shana, filmou a mim e a Mana na passarela. Ganhei ossinhos de couro como brinde e fiz muitos amigos. Aos poucos, a gente vai mostrar fotos deles aqui no Blog. Aí em cima, o filme, é claro!

sábado, 5 de dezembro de 2009

Chegando o Natal

Sofia


A Sofia, lá da Lavanderia do Bicho, agora lançando a cor da moda verão. Está linda, não é pessoal?